SESC ARSENAL E O CINEMA

Produção: StudioIntro + Sesc Arsenal

Direção: Allana Santiago, Bárbara Ellen Tomas e Souza, Fernanda L. Antunes, Fernanda B.D. Souza, Isabelli Campos, Jamila Amaral, Lorenzo Ghisi, Maria Augusta Santana Carvalho, Maria Carolina, Maria Júlia de Morais Barbosa, Mariana Campos Barros

Coordenação: José Sampaio

Assistência: Fernanda Kurunczi

Locução: Allana Santiago, Fernanda L. Antunes, Isabelli Campos, Lorenzo Ghisi e Maria Augusta Santana Carvalho

Trilha: Enxerto – George Bitzer 1905 | “Impossible Convicts”

Oficina Minidocumentaristas |Sesc Arsenal – Cuiabá – Outubro de 2015

Mais informações : http://www.studiointro.com.br

 

Anúncios
Galeria

SESC ARSENAL | CUIABA

DIA 1

Fundamentos: Introdução a oficina, introdução a fotografia, uso da fotografia em documentários e narrativas multimídias

Faz calor em Cuiabá e o espaço do Sesc aqui, além de muito bonito, tem um núcleo completamente equipado para o desenvolvimento do audiovisual. Cameras, tripés, equipamento de luz e uma pequena sala de exibição onde o filme final desenvolvido com os participantes vai ser exibido.

Nesse primeiro dia começamos com um pequeno filme sobre os estudos dos movimentos em animais e seres humanos do fotógrafo britânico Eadweard Muybridge, referência semimal para início do cinema.

Assitimos também a um filme da animadora espanhola Isabel Herguera como uma introdução da animação de desenhos para o nosso documentário.

E por último, assistimos a alguns resultados de oficinas do coletivo brasileiro de fotografia Garapa introduzindo o tema do uso da fotografia nos processos documentais em vídeo. mUYBRIDGE ISABELHERGUERA GARAPA

Depois foi a hora e a vez de sairmos para o começo do nosso mapeamento afetivo do Sesc Arsenal e arredores, começando obviamente pelo próprio Sesc e suas dependências. Nessa primeira saída só fazemos fotografias livres que são editadas por eles mesmos para uso posterior no filme sem saberem quem foi que tirou.

IMG_2130 IMG_2126 IMG_2134IMG_2161IMG_2132IMG_2142

Galeria

DIA 2

Fundamentos: Pré-cinema, introdução a animação, desenho, entrevistas, cobertura de imagens

Trabalhamos com conceitos introdutórios de animações e começo do cinema, mostrando filmes sobre alguns braquilaques e geringonças (principalmente o Fenaquistoscópio e o Zootropo) do período pré-cinema. Depois assistimos a uma animação de Norman Maclaren, entendendo que o audiovisual não tem limitações quanto a abstração e linguagem.

MUSEUDOCINEMA NORMAN

A partir daí começamos uma atividade de desenho livre sobre o que é o cinema e o que ele significa para cada uma das crianças participantes.

Os resultados são sempre incríveis.

IMG_2176 IMG_2177

LORENZOGHISI2MARIAAUGUSTAMARIANACAMPOSBARROS

Saímos para o Sesc Casarão, que fica a duas quadras do Sesc Arsenal, para levantarmos sua história e dar continuidade ao mapa afetivo que estamos construindo das redondezas. Entrevistamos ali alguns visitantes e funcionários, além da captação de imagens em vídeo. Na parte final, fizemos imagens da fachada do Sesc Casarão que serão usadas posteriormente como uma “timelapse” para o nosso documentário.

IMG_4117IMG_4188

IMG_4212IMG_4177

Áudio

DIA 3

Fundamentos: Colagens, animação, stop motion, entrevistas, cobertura de imagem, narração, trilhas

No terceiro dia assistimos o primeiro corte do filme, é a primeira vez que todos entendem que o que fizemos até agora vai realmente virar um filme. A sensação no começo é sempre de euforia, dali há pouco vem os problemas (está muito curto, mas eu não apareci, meu desenho não apareceu, etc). Calma.

A partir daí começamos o trabalho com as colagens, colagem livre com tema livre, apareceu até um corpo de Dilma com cabeça de Eduardo Cunha 🙂

FERNANDABDB BARBARA LORENZO MARIACAROLINA

Também fizemos a gravação a narração dos textos escritos no primeiro dia sobre o cinema, de cada criança separadamente.

That’s all folks!

DIA 4

Fundamentos: Montagem, Final Cut, Color Grading, desenvoltura com a câmera

Chegamos ao penúltimo dia de oficina. Cansados mas felizes. Começamos a aula assistindo o segundo corte do nosso filme. Além disso, mostro o Final Cut, programa de edição profissional, onde são editados os filmes. Explico sobre montagem e sobre color grading, mostrando que o número de profissionais envolvidos no audiovisual é grande. Finalizamos essa primeira parte com este vídeo sobre o papel do editor/montador.

Após o intervalo trabalhamos as entrevistas sobre o curso com os pequenos. Agora é a hora de se colocar na frente da câmera e ser entrevistado e todo mundo percebe que nem sempre isso é tão fácil!

Terminamos o dia com a chamada da Allana para a exibição do filme no cinema do Sesc Arsenal amanhã!

UMA HISTORIA PELO MAM

Produção: StudioIntro + MAM

Direção: Diego Valseca | Paula Valseca |João Pedro Masciarelli | Maria Clara Masciarelli

Coordenação: José Sampaio

Assistência: Fernanda Kurunczi

Arte Gcs: Maria Clara Masciarelli

Locução: Diego Valseca | Paula Valseca |João Pedro Masciarelli | Maria Clara Masciarelli

Trilha: Enxeto – Frederick Armitage 1901 | Buiding up stairs theatre”

Oficina Minidocumentaristas | MAM – Museu de Arte Moderna de São Paulo | Julho – 2015

Mais informações : http://www.studiointro.com.br